Teleatendimento

Covid-19: mais de 1,4 mil pacientes são monitorados

Trabalho possibilita que profissionais da secretaria acompanhem a evolução do quadro clínico do paciente
Foto: Divulgação/PMCI

Em Cachoeiro, pacientes diagnosticados e com suspeita de covid-19 são monitorados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus), via teleatendimento. Nesta terça-feira (16), eles chegaram a 1,4 mil, um aumento de mais de 60%, nos últimos 15 dias.

O acompanhamento possibilita que profissionais da secretaria avaliem a evolução do quadro clínico do paciente, enquanto ele cumpre o necessário período de isolamento domiciliar, de 14 dias, ou até a sua recuperação.

São monitorados os pacientes sintomáticos atendidos em unidades de saúde e no pronto atendimento do Centro de Saúde Paulo Pereira Gomes (PPG), bem como os que testam positivo no exame feito no PPG – nestes casos, o acompanhamento é estendido aos familiares do paciente, para conferir se houve contágio.

“O monitoramento é importante no reforço das orientações de isolamento social dos pacientes que são acompanhados e, também, para que seja possível detectar, mais precocemente, casos de agravamento, para que o encaminhamento ao serviço de saúde seja feito o mais breve possível”, explica a secretária de Saúde de Cachoeiro, Luciara Botelho.

Diante do cenário de avanço da doença no município, a Semus reforça para que as pessoas monitoradas correspondam às ligações e forneçam números telefônicos válidos.

“É importante ressaltar que o trabalho é voltado, exclusivamente, para o levantamento de informações concernentes à saúde dos pacientes. Nossa equipe está empenhada em atender os monitorados, com a máxima frequência e regularidade possível”, salienta a secretária.