Sucesso

Feirão da Solidariedade teve 8 mil visitantes e R$ 900 mil de faturamento

Os lojistas venderam produtos novos com preços diferenciados
Foto: Márcia Leal/PMCI

Cerca de 8 mil consumidores passaram pelo “Feirão da Solidariedade”, realizado de terça (18) a quinta-feira (20), na Linha Vermelha (em frente ao Museu Ferroviário), em Cachoeiro de Itapemirim. Na ocasião, os 39 lojistas participantes alcançaram um faturamento total de R$ 900 mil.

Foram comercializados produtos novos e com preços diferenciados, podendo chegar até ao valor de custo. Os itens disponíveis para venda eram eletrodomésticos, materiais de construção, vestuários, calçados, estofados, colchões, cama, mesa e banho, entre outros. Além da venda de produtos, o feirão contou, também, com praça de alimentação.

De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec) que organizou o evento junto à Associação Comercial, Industrial e de Serviços de Cachoeiro de Itapemirim (Acisci), os móveis foram os produtos mais procurados durante os três dias de evento.

“O Feirão da Solidariedade foi realizado com o intuito de ajudar as famílias que perderam os bens na enchente de janeiro. Com o resultado positivo do evento, os atingidos poderão recomeçar”, frisa o secretário Municipal de Desenvolvimento econômico, Francisco Montovanelli.

“Desde a enchente, trabalhamos em várias frentes para que tanto os comerciantes, quanto os moradores atingidos, pudessem retomar seus bens e minimizar prejuízos. Ficamos felizes que ações como essa, que contam com a parceria da iniciativa privada, estejam rendendo frutos”, completa o prefeito Victor Coelho.

Outra medida de recuperação

A Semdec também deu apoio logístico ao “Bazar Solidário”, realizado no Pavilhão de Eventos da Ilha da Luz, no último fim de semana. Na ocasião, os lojistas participantes alcançaram um faturamento total de R$ 560 mil, vendendo produtos recuperados da enchente com preços reduzidos.