Até sexta-feira (27)

Ação na praça Jerônimo Monteiro oferece serviços a empreendedores

Atendimentos são realizados das 9h às 17h
Foto: Patricia Pim/PMCI

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec) de Cachoeiro, em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), segue realizando atendimentos voltados aos empreendedores, na praça Jerônimo Monteiro, Centro.

Até sexta-feira (27), quem deseja formalizar seu empreendimento ou buscar orientações contábeis e de acesso ao microcrédito, pode se dirigir ao estande montado no local, das 9h às 17h. Não é necessário agendamento. Para ser atendido, o interessado deve estar munido de seus documentos pessoais.

A ação faz parte da programação da Semana Nacional do Microempreendedor Individual de Cachoeiro que conta, também, com a realização de diversas palestras gratuitas voltadas aos empreendedores da região. Para assisti-las, o interessado deve realizar a inscrição na página: bit.ly/semanameicachoeiro.

“As ações do projeto Bairro Empreendedor são de grande importância para aproximarmos, do cidadão, orientações e serviços que auxiliam os empreendedores na abertura e gerenciamento de seus negócios. Cada atendimento é realizado individualmente e nossos servidores buscam, sempre, a melhor alternativa ao empreendedor”, destaca a secretária interina de Desenvolvimento Econômico de Cachoeiro, Libiana Muniz.

A Semana do Microempreendedor Individual de Cachoeiro é uma parceria entre a Semdec; o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae); a Aderes e, também, entidades que formam o Fórum Municipal da Micro e Pequena Empresa.

Vantagens de se tornar um MEI

Um dos principais objetivos das ações itinerantes realizadas pela Semdec é conscientizar a população sobre os benefícios da formalização de seus negócios. O Microempreendedor Individual (MEI) funciona como um modelo simplificado de empresa para quem trabalha por conta própria em atividades não regulamentadas por entidades de classe – como artesão, cabeleireiro, pintor, vendedor de roupas, eletricista, doceiro e dono de minimercado.

As vantagens de ser MEI incluem: direito à previdência social; modelo simplificado de tributação; inscrição no CNPJ sem custo e sem burocracia; direito a benefícios previdenciários: aposentadoria por idade ou por invalidez, auxílio-doença, salário-maternidade e pensão por morte (para a família); acesso a produtos e serviços bancários, como crédito, com condições especiais para Microempreendedor Individual; modelo simplificado de tributação, com um valor mensal, relativamente, baixo e fixo referente aos tributos (INSS, ISS ou ICMS); possibilidade de emitir nota fiscal e oportunidade de vender para o governo dentre outras.