Aluno de Cachoeiro ganha bolsa de iniciação científica em matemática

Estudante conta que apoio na escola municipal Anísio Ramos foi fundamental

Pelo bom desempenho na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) de 2018, o estudante cachoeirense Cleben Júnior Consedey Garcia conquistou o direito de participar do Programa de Iniciação Científica Jr. (PIC) oferecido aos alunos medalhistas da competição.

Cursando, à época, o 9º ano do ensino fundamental na escola municipal “Anísio Vieira de Almeida Ramos”, no bairro Vila Rica, Cleben alcançou o 96º lugar na etapa nacional da olimpíada, ganhando medalha de bronze. Para aprofundar os estudos em matemática, ele receberá um incentivo financeiro mensal do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

O programa visa transmitir aos alunos cultura matemática básica e treiná-los no rigor da leitura e da escrita de resultados, nas técnicas e métodos, na independência do raciocínio analítico, desenvolvendo as habilidades e os conhecimentos científicos deles. Os estudantes participam de atividades presenciais e pela internet orientadas por professores qualificados de instituições de ensino superior e de pesquisa.

Cleben conta que o empenho nos estudos e o apoio pedagógico na escola foram fundamentais para o resultado obtido na Obmep. “Em casa, eu estudava problemas de matemática para poder me preparar bem para a prova e, na escola, todos nós recebíamos apoio dos professores de matemática, além da gestora e da equipe pedagógica que apoiavam a gente para fazer a Olimpíada. Fiquei bem feliz por essa conquista, por representar bem a cidade e ter me saído bem na Olimpíada”, destaca o aluno.

“Ficamos emocionados, como escola, pois é um aluno que acompanhamos durante todo o ensino fundamental II e que conseguiu esse grande feito. Foi uma parceria essencial, entre a escola e a família, comprovando, mais uma vez, que quando há essa junção, o sucesso acontece. Com certeza, Cachoeiro e a rede municipal foram muito bem representados”, avalia a gestora da escola “Anísio Ramos”, Elisângela Chamon. 

No decorrer do ano letivo de 2018, professores e estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental da rede municipal foram incentivados pela Secretaria Municipal de Educação (Seme) a participar da Obmep, como forma de estimular o estudo da matemática e identificar talentos na área. Na primeira etapa da competição, 102 alunos da rede receberam medalhas.

“A participação de nossos alunos da rede municipal nas diversas olimpíadas brasileiras científicas, como as de matemática e de astronomia, tem trazido excelentes resultados para nosso município. A Secretaria Municipal de Educação incentiva os estudantes, pois acredita que é uma oportunidade ímpar na construção do conhecimento científico, além de prepará-los para a vida acadêmica e profissional”, afirma a secretária de Educação, Cristina Lens.