Alunos vão à Ceasa Sul para aula prática de administração financeira

A visita, na quinta-feira (21), contou com a participação de 20 estudantes do 2º ano do ensino médio

Alunos da escola estadual Claudionor Ribeiro estão usando a Ceasa Sul, em Cachoeiro, como exemplo prático para contextualizar conteúdos teóricos aprendidos na disciplina Administração Financeira, do curso técnico de Administração concomitante com o Ensino Médio, oferecido para jovens dentro do programa Mediotec.

A visita, na quinta-feira (21), contou com a participação de 20 estudantes do 2º ano, 3º módulo, e foi acompanhada pelo professor Renato Cezar Figliuzzi, que também atua na operacionalização do financeiro da Ceasa Sul. Os estudantes puderam ver como funciona a administração financeira da central de abastecimento – importante para a comercialização da produção agrícola de Cachoeiro e região – e vão produzir, a partir da experiência, relatórios que serão avaliados para a progressão no curso.

Para o professor, o resultado foi muito significativo para o processo de ensino e aprendizagem, pois representou mais do que a visualização da prática daquilo que é ensinado no curso, ao apresentar aos alunos um espaço muito importante para a economia local. “Pudemos mostrar os benefícios que ela traz aos produtores rurais como espaço para comercialização e como estreita os laços entre o campo e a cidade”, explica.

Vistas técnicas

A turma não foi a única. O espaço costuma receber visitas técnicas de outras instituições de ensino também, como de alunos do curso de Agronomia da Universidade Federal do Espírito Santo e da Escola Família Agrícola. Para agendar visitas, os profissionais interessados devem ligar para 3521-9070, de segunda a sexta, das 7h às 16h.

“A Ceasa cumpre um importante papel na organização do comércio de produtos hortifrutigranjeiros, contribuindo no equilíbrio do abastecimento das cidades, e para o desenvolvimento rural, ao aproximar o produtor e o comerciante desses produtos. Atualmente, a Unidade Sul é administrada pelo município, por meio da Semai, e está de portas abertas para iniciativas como esta, que criam oportunidades e permitem que os estudantes tenham acesso a informações importantes para a sua formação profissional”, destaca o secretário municipal de Agricultura e Interior, Robertson Valladão. 

Últimas notícias