Lei Rubem Braga

Artistas cachoeirenses e chilenos se apresentam em sarau na Casa dos Braga

A entrada é um livro, novo ou usado, para ser doado à Biblioteca Pública Municipal
Foto: Divulgação/Anônimos de Teatro

Na sexta-feira (13), artistas de Cachoeiro se juntarão a artistas chilenos, na Casa dos Braga, para mais uma edição do “Sarau Verbo Intransitivo”, iniciativa cultural patrocinada pelo município, por meio da Lei Rubem Braga.

A partir das 19h, o público poderá conferir apresentações que fundem literatura e música, num projeto que já percorreu outras cidades capixabas e esteve na capital chilena em três oportunidades.

A última edição aconteceu em Santiago do Chile, no mês passado, com a participação de artistas cachoeirenses. A ideia, de acordo com os organizadores, é criar pontes entre artistas latinos, tendo a literatura como eixo principal das apresentações.

De Cachoeiro, participam a musicista Alessandra Biato, a cantora Amélia Barreto, a atriz Amanda Malta, o ator Luiz Carlos Cardoso e a escritora Milena Paixão, esses dois últimos, idealizadores do Sarau. Do Chile, desembarcam, na cidade, a cantora Viviana Cortés e o músico Isa Flautaro.

A entrada é um livro, de qualquer tema, novo ou usado, para ser doado à Biblioteca Pública Municipal “Major Walter dos Santos Paiva”, que perdeu parte do seu acervo na última enchente da cidade.

O sarau é uma realização do Grupo Anônimos de Teatro, com produção da Companhia do Outro.