Fomento à cultura

Com apoio da Lei Rubem Braga, livro sobre a Fábrica de Pios será lançado no domingo (5)

Obra contará história da fábrica, única do gênero em atividade na América Latina
Foto: Divulgação/PMCI

A centenária Fábrica de Pios “Maurílio Coelho”, localizada na Ilha da Luz, é tema de um livro que será lançado neste domingo (5), com patrocínio da Lei Rubem Braga de incentivo à cultura de Cachoeiro. 

O evento ocorrerá às 15h, na própria fábrica, no Espaço Cultural ”Maurílio Coelho”, que será inaugurado na ocasião, com apresentações musicais dos grupos Soturno Jazz Band e O Coelho e os Cartolas.

De autoria de Fábio Coelho, a obra traz um resumo da história da fábrica, com prefácio de Milena Paixão, além de textos de Sonia Coelho e do próprio Fábio, que detalham as características de cada ave que tem o som reproduzido pelos pios. 

Com tradução para o inglês, o livro apresenta, ainda, um vasto acervo de fotografias de época, com ilustrações e fotos de Rudson Costa e André Fachetti, respectivamente.

Única na América Latina

Fundada em 1903, a fábrica é a única do gênero em atividade na América Latina e produz mais de 40 diferentes tipos de pios, reproduzindo, com fidelidade, o canto de várias espécies de aves brasileiras. 

As peças são esculpidas em madeira e, desde 1972, são exportadas para muitos países como Estados Unidos, Alemanha, Bélgica, Dinamarca e Japão, divulgando um pouco da história e cultura cachoeirense mundo afora.

Antes utilizados para a caça, hoje, os pios representam um instrumento de preservação da natureza, utilizado por biólogos e estudiosos na observação dos pássaros.