Infraestrutura

Doze obras em andamento em Cachoeiro contam com recursos de operação de crédito

Uma delas é a contenção de encostas com geocomposto no bairro Amarelo
Foto: Divulgação/PMCI

Os recursos da operação de crédito que a Prefeitura de Cachoeiro firmou com o Banco do Brasil para ampliar investimentos em infraestrutura estão sendo usados em 12 frentes de obras em andamento.

Elas contam com parte dos R$ 40 milhões liberados até o momento para o município – dos R$ 85 milhões contratados.

Nos bairros Gilson Carone e Aeroporto, os recursos estão sendo aplicados na finalização de serviços de drenagem, pavimentação, contenção e construção de escadarias, que contemplam 30 ruas. São usados também em obras de drenagem e pavimentação no bairro Rubem Braga.

Na rua Jerônimo Ribeiro, no bairro Amarelo, financiam a obra de contenção de encosta com aplicação de geocomposto, técnica que, pela primeira vez, a Prefeitura usa para evitar deslizamentos e desastres. Serão quase 10 mil metros quadrados de áreas revestidas e protegidas naquela região, que também ganhará muro de arrimo, nova calçada e arborização.

Aguardadas há muitos anos pela população cachoeirense, a construção do Parque Urbano da Ilha da Luz e a revitalização do Parque de Exposição são custeadas, parcialmente, com recursos da operação de crédito.

A construção da nova Unidade Básica de Saúde do bairro Zumbi, do Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do bairro Alto Independência e do novo Banco de Alimentos, no Basileia, também contam com os recursos.

O financiamento também já está viabilizando investimentos na área da segurança – construção do Centro de Operações da Guarda Civil Municipal, na Ilha da Luz – e em equipamentos públicos de esporte e lazer – reforma da quadra poliesportiva do bairro Caiçara e construção do campo society do distrito de Conduru.

Com recursos da operação de crédito, a Prefeitura de Cachoeiro concluiu, recentemente, obras de drenagem e pavimentação no bairro Campo Leopoldina e a reforma da praça do distrito de Conduru.

Maior parte dos recursos para infraestrutura nos bairros

A maior parte dos recursos da operação será investida em novas obras de infraestrutura urbana em bairros e distritos.

Em breve, terão início serviços já licitados de drenagem e pavimentação nos bairros Vila Rica e Maria Ortiz e no distrito de Córregos Monos.

Entre as regiões com investimentos previstos estão, também, Gilson Carone, Agostinho Simonato, Bom Pastor, Rubem Braga, Rui Pinto Bandeira Village da Luz, São Francisco de Assis e distritos de Itaoca, Córrego dos Monos e Soturno.

Nesta quinta-feira (2), o prefeito Victor Coelho esteve no Bom Pastor, com equipe da Secretaria Municipal de Obras, para apresentar à comunidade o projeto de drenagem e pavimentação do bairro.

“Sete ruas serão beneficiadas com as obras, num investimento de mais de R$ 4,6 milhões. O projeto está na fase final de aprovação para, em breve, fazermos o processo licitatório”, informa o prefeito.

Victor Coelho ressalta a importância da operação de crédito para ampliar a capacidade de investimento do município.

“Temos obras muito importantes em andamento, em diferentes regiões, e vamos multiplicar as frentes de trabalho, graças a esses recursos, aos quais tivemos acesso por fazermos uma gestão fiscal responsável”, frisa o prefeito.

Recuperação do Teatro Municipal

Uma série de outros investimentos serão feitos com recursos da operação de crédito, incluindo a reforma e modernização do Teatro Municipal Rubem Braga, que foi severamente danificado pela enchente que atingiu o município em 2020.