Manutenção

Mais duas escadarias de Cachoeiro vão receber melhorias

No Ferroviários, além de reparos, estrutura ganhará paisagismo e pintura artística
Foto: Márcia Leal/PMCI

A Secretaria Municipal de Manutenção e Serviços (Semmat) iniciou reparos e melhorias em mais duas escadarias em Cachoeiro.

No bairro Ferroviários, uma equipe trabalha na escadaria Mário Imperial, na rua João Monteiro. Os serviços começaram pela recomposição de degraus e colunas do corrimão que estavam danificados. Também será feita a reposição de barras de aço do corrimão que estão faltando.  

O local ainda ganhará tratamento paisagístico, com gramado e plantas ornamentais no entorno e pintura artística na estrutura.

A outra escadaria que recebe manutenção é a Edson Souza de Novaes, localizada na rua Carly Levy Ramos, no bairro Novo Parque. São feitos reparos gerais na estrutura.

A previsão é de que os serviços nas duas escadarias sejam concluídos até o fim de agosto.

De acordo com a Semmat, as intervenções são necessárias para garantir mais segurança aos usuários desses logradouros e, também, para melhorar o visual desses espaços públicos, o que valoriza as comunidades.

“As escadarias do município vêm recebendo uma atenção especial da gestão municipal, porque são estruturas importantes para a mobilidade da população numa cidade com as características topográficas de Cachoeiro. Com isso, nossa cidade está se tornando referência, tanto pela melhoria estrutural quanto pelo tratamento visual que tem dado a esses logradouros, com intervenções artísticas e paisagísticas”, avalia o secretário municipal de Manutenção e Serviços, Vander Maciel.

Melhorias em outras escadarias

Neste ano, a Semmat também reformou escadaria do bairro Álvaro Tavares, que recebeu reparos na alvenaria e uma pintura artística, com cores vivas, ilustrando a presença feminina, com flores.

Muitas outras escadarias foram revitalizadas nos últimos anos. Entre os casos mais emblemáticos estão a Mário Ramanelli, no bairro Gilberto Machado, que ganhou pintura em homenagem a escritores cachoeirenses; a do bairro Maria Ortiz (próxima à Policlínica Municipal), que recebeu intervenção com a figura da heroína capixaba; e a do Ibitiquara, com arte dedicada à Madre Gertrudes.