Biguá

Escolas municipais de Cachoeiro vencem prêmio regional de sustentabilidade

Escola Eliseu Lofêgo ficou em 1º lugar com o projeto Jardim de Afeto
Foto: Márcia Leal/PMCI

As três primeiras colocações do Prêmio Biguá de Sustentabilidade 2022, na categoria “Escola”, foram conquistadas por unidades da rede municipal de ensino de Cachoeiro. Promovida pela TV Gazeta Sul, a cerimônia de premiação foi realizada nesta quarta-feira (19).

A escola Eliseu Lofêgo, do bairro Rui Ponto Bandeira, ficou com o primeiro lugar, com o projeto “Jardim do Afeto: Autoestima e amor como sementes para um mundo melhor”, que tem foco no fortalecimento dos vínculos entre estudantes, professores e familiares, por meio de atividades envolvendo temas relacionados ao meio ambiente.

No último mês de junho, a unidade recebeu o certificado “Escola Verde”, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) de Cachoeiro, por suas ações pedagógicas voltadas à preservação da natureza.

Segunda colocada, a escola “Tijuca”, da localidade de mesmo nome, apresentou uma iniciativa voltada à reflexão acerca da importância da reciclagem. 

Com o título “Separe, recicle e reutilize seu lixo”, o projeto propõe o envolvimento de toda a comunidade escolar, com o objetivo de conscientizar a população acerca da importância do correto descarte do lixo urbano.

Na terceira colocação, a escola municipal Padre Jefferson Luis de Magalhães, do bairro Boa Vista, divulgou as ações realizadas por meio do projeto “Cultivando uma cultura sustentável: reduzir, repensar, reciclar, reflorestar e reutilizar para o mundo transformar”. Entre elas, a produção de recursos pedagógicos reutilizando e reciclando materiais e, também, atividades de plantio e cultivo das mudas.

Presentes na entrega dos prêmios, que aconteceu no auditório do Sest/Senat, o prefeito de Cachoeiro, Victor Coelho, e a secretária municipal de Educação, Cristina Lens, destacaram a importância de levar, para dentro das escolas, o debate sobre a preservação do meio ambiente.

“Os prêmios conquistados por essas escolas, competindo com outras unidades públicas e particulares da região sul do estado, são o reconhecimento do belo trabalho realizado por professores e demais profissionais da educação, voltado a fortalecer, em nossas crianças, o sentimento de pertencimento ao meio ambiente e a importância de preservá-lo. É um assunto que precisa estar sempre em voga nas escolas”, destacou a secretária.

“A educação é o pilar mais importante da sociedade. Muito mais do que conhecimento, ela forma cidadãos e cidadãs conscientes e responsáveis. Nesse contexto, os temas ambientais e as práticas sustentáveis, mais do que nunca, precisam ser trabalhados de forma intensiva no ambiente escolar, para que nossos jovens cresçam sabendo a importância da preservação da nossa casa comum, o meio ambiente. Parabenizo as escolas vencedoras e todas as que têm desenvolvido ações de educação ambiental”, afirmou o prefeito.