Festival de cordel mobiliza alunos de escola municipal

A atividade foi voltada para estudantes dos 7º e 9º anos do ensino fundamental

Aprender os diferentes tipos de gêneros textuais foi um dos principais objetivos do “Festival de Cordel”, que aconteceu no último dia 14, na escola municipal “Galdino Theodoro da Silva”, no bairro Jardim Itapemirim, em Cachoeiro.

Voltada para estudantes dos 7º e 9º anos do ensino fundamental, essa proposta pedagógica foi elaborada por professores de história e língua portuguesa, juntamente a coordenadores, pedagogos e gestora.

O projeto possibilitou o conhecimento sobre o gênero textual cordel, o forró – ritmo musical tipicamente nordestino – e, também, o entendimento sobre movimentos sociais de contestação ao conorelismo (comum no período da Primeira República, no qual os movimentos do cangaço ficaram conhecidos).

As famílias participaram ativamente. Os estudantes produziram seus cordéis para a apresentação e os ensaios aconteceram em casa, o que mobilizou pais e responsáveis. A comunidade também foi envolvida. Um grupo de sanfoneiros do bairro foi convidado para fazer uma apresentação ao final da leitura das produções.

“Através dessa atividade, mergulhamos no universo nordestino. Tivemos contato com a literatura de cordel, com os ritmos característicos da região e aprendemos sobre a história do cangaço. Foi uma experiência maravilhosa e muito significativa para nós”, afirmou a aluna Kyeilla Victória Miranda Queiroz, do 9º ano.

“Esse movimento na escola só comprova o quanto todos os dias professores e estudantes produzem atividades inovadoras partindo dos conteúdos obrigatórios. São situações de aprendizagem que envolvem a comunidade escolar e famílias, o que contribui diretamente para o desenvolvimento de cada estudante”, ressaltou a secretária municipal de Educação, Cristina Lens.

Últimas notícias