Na última semana

Fórum debateu redução da judicialização da saúde pública

Evento aconteceu no auditório da Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim (FDCI)
Foto: Divulgação/PMCI

A Prefeitura de Cachoeiro, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), realizou, na última semana, o III Fórum de Judicialização da Saúde.

O evento, que aconteceu entre quinta (20) e sexta-feira (21), contou com a participação de diversos profissionais e acadêmicos das áreas da saúde e jurídica, em um debate sobre questões relacionadas às práticas e aos procedimentos em matéria de direito à saúde.

No auditório da Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim (FDCI), onde o encontro foi realizado, autoridades e estudiosos palestraram sobre o tema principal do Fórum, compartilhando conhecimentos e práticas que facilitem a interlocução e a colaboração entre os órgãos envolvidos, visando à redução da judicialização na saúde pública.

Na ocasião, o secretário municipal de Saúde de Cachoeiro, Alex Wingler, apresentou as ações da pasta em demandas judiciais e ordinárias.

“Sem dúvidas, o Fórum de Judicialização da Saúde é evento de grande importância, que contribui para identificarmos as dificuldades e encontrarmos soluções no aperfeiçoamento das políticas públicas de acesso à saúde, que devem ser, constantemente, atualizadas para garantir a eficácia e a efetividade da prestação de serviços à população”, avaliou.

Também participaram representantes das seguintes instituições: Tribunal de Justiça do Espírito Santo, Procuradoria-Geral do Espírito Santo, Secretaria de Estado de Saúde do Espírito Santo, Ordem dos Advogados do Brasil, Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo, Ministério Público e Defensoria Pública do Estado do Espírito Santo.

O III Fórum de Judicialização da Saúde foi uma realização da Prefeitura de Cachoeiro, com o apoio da Faculdade Multivix, Centro Universitário São Camilo, FDCI, Instituto Apogeu e Escola Técnica de Saúde.