Campanha

Idosa de 106 anos é vacinada contra a Covid-19 em Cachoeiro

Maria da Conceição Mendonça mora do distrito de Pacotuba desde que nasceu
Foto: Divulgação/PMCI

Maria da Conceição Mendonça, de 106 anos, foi vacinada nesta semana contra a Covid-19 pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus) de Cachoeiro. Ela é uma das pessoas do município com idade mais elevada a receber a primeira dose do imunizante contra o coronavírus.

Nascida em 11 de setembro de 1914, Maria da Conceição passou a vida toda no distrito de Pacotuba, trabalhando em tarefas domésticas no ambiente rural. Atualmente, mora na localidade de Lajinha, do mesmo distrito, com uma nora e um dos 13 filhos que gerou – a família perdeu a conta do número de netos, bisnetos e tataranetos.

De acordo com familiares, Maria da Conceição está saudável, apresentando apenas perda de audição e necessitando de alguns cuidados de saúde decorrentes da idade avançada.

“Ela não sai mais de casa e a gente dá o apoio nas coisas que ela precisa. Mas está muito bem e ficou ainda melhor depois que tomou a vacina”, comemora Cenira Chaves Mendonça, nora de Maria da Conceição.

Mais de 6 mil vacinados

A Semus realiza vacinação domiciliar de idosos acima de 90 anos, para evitar riscos decorrentes de deslocamentos para Unidades Básicas de Saúde (UBS). Até a tarde desta sexta-feira (12), 680 pessoas nessa faixa etária receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

Também fazem parte do público-alvo desta etapa da campanha pessoas acima de 60 anos acolhidas em Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) e funcionários dessas instituições, todos já vacinados, e trabalhadores da área de saúde, que recebem a vacina em seus locais de trabalho.

No total, já foram aplicadas 6.067 doses no município. A aplicação da segunda dose em quem já foi vacinado deverá ser iniciada na próxima quinta-feira (18), respeitando o intervalo de tempo necessário entre as duas doses – de duas a quatro semanas, no caso da Coranavac, e de até 12 semanas, para a vacina de Oxford/AstraZeneca.

“É muito gratificante observar o avanço da campanha de vacinação em Cachoeiro e poder alcançar pessoas com uma história de vida tão grande, como a da dona Maria da Conceição. Ressaltamos, porém, que a população deve continuar se empenhando nos cuidados sanitários”, afirma o secretário municipal de Saúde, Alex Wingler.