120 leitos

Lançado edital para início das obras do Hospital do Câncer de Cachoeiro

Serão licitadas as obras de preparação dos terrenos doados pela Prefeitura para construção da estrutura
Foto: Divulgação/PMCI

Na manhã desta terça-feira (24) foi realizada, no auditório do Sest/Senat, bairro Marbrasa, a solenidade de lançamento do edital de licitação das obras da primeira fase da construção do Hospital do Câncer de Cachoeiro.

A nova estrutura hospitalar será erguida em uma área de 20 mil m², formada por dois terrenos doados pela Prefeitura, situados no bairro Ferroviários. Serão gerados 120 novos leitos, incluindo 20 dedicados ao tratamento intensivo e quatro salas cirúrgicas.

As obras da edificação ficarão a cargo do Hospital Evangélico (Heci), por meio de um convênio celebrado com o Governo do Estado, em que também serão empregadas verbas parlamentares federais.

Na primeira fase dos serviços, serão investidos R$ 7,8 milhões. Desse montante, R$ 1,9 milhão já foi repassado à instituição para a execução de trabalhos preliminares como terraplanagem, estabilização, contenção e drenagem dos terrenos.

“Agradecemos os esforços do poder público para que possamos realizar este sonho, é um momento de muito orgulho e muita felicidade. Estamos diante de um projeto que irá mudar não só a oncologia, mas a medicina sul-capixaba como um todo”, afirmou José Zago Pulido, médico e coordenador dos serviços de oncologia do Heci.

Presentes na solenidade, o prefeito de Cachoeiro, Victor Coelho, e o vice-governador do estado, Ricardo Ferraço, destacaram a união de diversos atores públicos no projeto de construção do Hospital do Câncer de Cachoeiro.

“Hoje, estamos dando o pontapé inicial para a realização de um sonho comum, que será concretizado por meio da união de esforços nas mais diversas áreas, para que possamos realizar essa importante entrega para os cachoeirenses”, afirmou o prefeito.

“Não estaríamos aqui sem o apoio e o trabalho de tantas lideranças do Espírito Santo, unidas em torno de um projeto que levará melhores condições de acolhimento aos pacientes e familiares no percurso para enfrentar essa doença, que é tão desafiadora”, afirmou Ferraço.

Após a conclusão da fase preparatória, terá inicio a construção do prédio, obra que deve ficar pronta em cerca de 48 meses. O investimento total no novo hospital está orçado em R$ 70 milhões.