Serviços gratuitos

Nova Sala do Empreendedor fez cerca de 40 atendimentos diários na primeira semana

Formalização de Microempreendedor Individual é um dos serviços mais procurados

Em sua primeira semana de funcionamento, a nova Sala do Empreendedor de Cachoeiro realizou uma média de 40 atendimentos diários. De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico (Semdec), que coordena o espaço, os serviços mais procurados são o pedido de viabilidade para abertura de empresas e formalização de Microempreendedor Individual (MEI).

Localizada no segundo piso do Shopping Cachoeiro, localizado na rua Vinte e Cinco de Março, Centro, a unidade foi aberta pela prefeitura, no último dia 4, com a proposta de oferecer, em um só local, múltiplos serviços gratuitos voltados a quem empreende ou quer empreender no município.

O novo espaço concentra atividades como oferta de microcrédito, orientação gerencial e viabilidade para abertura de empresas, orientação sanitária e ambiental, licenças e alvarás e instruções sobre como participar de compras governamentais.

Na sala, que funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 18h, atuam servidores das secretarias de Fazenda (Semfa), de Meio Ambiente (Semma), de Saúde (Semus) e da Semdec.

O atendimento oferecido tem agradado os empreendedores. Lucas Vicente, de 26 anos, procurou o serviço para formalizar sua empresa. “Atualmente, trabalho como motorista de aplicativo, mas pretendo abrir uma barbearia. Os serviços aqui são ótimos e a nova sala está em um lugar super acessível. Fui muito bem atendido, está aprovado”, ressalta.

“A nova Sala do Empreendedor é um marco no processo de desburocratização do município e proporciona um ambiente mais amplo, com fácil acesso aos usuários, além de concentrar atividades de diversas secretarias na abertura de empresas e emissão e renovação de alvará e licenças municipais. Com isso, proporciona agilidade para o empreendedor, que em um único lugar, consegue resolver suas demandas”, destaca o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Francisco Montovanelli, frisando que, em breve, o espaço iniciará oferta de capacitações aos empreendedores.

MEI

A Sala do Empreendedor orienta que, para a formalização de MEI – um dos serviços mais procurados no espaço –, é necessário apresentar: comprovante de residência, CPF, Carteira de Identidade, Título de Eleitor e recibo da declaração do Imposto de Renda (caso tenha declarado).