Defesa Civil

Plano para enfrentamento de desastres é apresentado em audiência pública

Evento ocorreu na Câmara Municipal, na quinta-feira (21)
Foto: Márcia Leal/PMCI

A Defesa Civil de Cachoeiro de Itapemirim apresentou o novo Plano de Contingência para Enfrentamento de Desastres, em audiência pública realizada na Câmara Municipal, nesta quinta-feira (21). Estiveram presentes o prefeito Victor Coelho, vereadores, representantes de segmentos sociais envolvidos e população em geral.

O objetivo do evento foi favorecer o amplo conhecimento e o debate a respeito dos detalhes presentes no texto do novo plano de contingência, que servirá para nortear as ações da Defesa Civil e dos demais órgãos municipais envolvidos no enfrentamento de enchentes, chuvas de granizo, deslizamentos ou outras situações naturais, climáticas ou produzidas pela ação humana.

Além do enfrentamento durante a crise, o novo plano abrange a atuação do município na prevenção desses episódios, por meio da parceria da Defesa Civil de Cachoeiro com as redes municipal e estadual de Educação, associações de moradores dos bairros e templos religiosos, na orientação de medidas preventivas para a população.

“Além de estarmos preparados quando a crise chegar, a Defesa Civil trabalha, permanentemente, na prevenção desses desastres, por meio da execução de vistorias em áreas de risco e orientação aos moradores”, explica Elio Carlos Miranda, coordenador da Defesa Civil de Cachoeiro.

“Essa é uma importante ferramenta para direcionar as ações do município em meio a momentos críticos naturais, climáticos ou gerados pela ação humana, que podem trazer prejuízo aos moradores de Cachoeiro. Paralelamente, atuamos, também, em outras frentes, buscando recursos e executando importantes obras de infraestrutura que passam a evitar tais situações críticas”, destaca o prefeito Victor Coelho.

Após inclusão das contribuições levantadas na audiência pública, o plano segue para publicação no Diário Oficial e terá validade de quatro anos, quando passará por nova atualização, de acordo com o cenário de áreas de risco no município.