D1, D2 e D3

Policlínica Municipal abrirá sábado (23) para vacinação contra Covid-19

Equipes aplicarão primeira, segunda e terceira doses das vacinas
Foto: Márcia Leal/PMCI

No sábado (23), a Policlínica Municipal Bolívar de Abreu (Centro Municipal de Saúde) abrirá para vacinação contra a Covid-19.

Das 8h às 12h, as equipes da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) de Cachoeiro atenderão: pessoas a partir de 12 anos que ainda não tomaram a primeira dose; pessoas que estão com a segunda dose atrasada ou vencendo no dia; pessoas que devem receber a dose de reforço (terceira dose), que são idosos, imunossuprimidos (baixa imunidade), e profissionais de saúde.

Aos idosos, a Semus alerta sobre a recente redução do intervalo entre a segunda dose (ou dose única) e a dose de reforço, agora de quatro meses ou mais.

Para imunossuprimidos, o intervalo segue sendo de 28 dias ou mais; para profissionais de saúde, de seis meses ou mais.

Para quem se vacinou com Astrazeneca e ainda precisa tomar a segunda dose, a secretaria lembra que, nesta semana, foram autorizados a redução do intervalo para 56 dias (8 semanas) – mesmo da Pfizer – e o uso da vacina da Pfizer na segunda aplicação (intercambialidade).

A ação deste sábado é mais uma iniciativa da Semus para facilitar o acesso dos públicos-alvo aos imunizantes contra a Covid-19 e ampliar a cobertura vacinal no município.

Nesta semana, além das Unidades Básicas de Saúde (UBS) e da Policlínica Municipal, onde ocorre vacinação de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h, a secretaria está com pontos de imunização, até sexta-feira (22), no Shopping Cachoeiro (das 14h às 19h) e no Perim Center (das 16h às 20h).

“Temos feito mutirões, trabalho de busca ativa e ações itinerantes de vacinação, para imunizar o maior número possível de pessoas. Com ações aos sábados, como essa que faremos, contemplamos aquelas pessoas que não têm tempo de ir aos locais de vacinação durante a semana, então, nós pedimos para que aproveitem essas oportunidades. Precisamos ampliar a cobertura vacinal para ajudar nossa região a alcançar a classificação de risco muito baixo no Mapa de Risco do estado, o que significa o fim de restrições às atividades sociais e econômicas, a volta a uma rotina muito próxima do que era antes da pandemia”, frisa o secretário municipal de Saúde, Alex Wingler.