Planos municipais

População pode colaborar com estudos para universalização do saneamento em Cachoeiro

Trabalho faz parte da construção do novo Plano Municipal de Saneamento
Foto: Divulgação/PMCI

Cachoeiro de Itapemirim está avançando na revisão do Plano Municipal de Água e Esgoto (PMAE) e na elaboração do Plano Municipal de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PMGIRS). Recentemente, foram traçados os prognósticos e alternativas para universalização dos serviços de saneamento básico.

O documento resultante dessa etapa pode ser acessado no portal da Prefeitura (www.cachoeiro.es.gov.br) – na página da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) – e, também, no site do Laboratório de Gestão de Saneamento Ambiental da Universidade Federal do Espírito Santo (Lagesa – Ufes), onde a população pode registrar contribuições e sugestões para melhoria das propostas, por meio de um formulário eletrônico.

O relatório produzido tem como finalidade identificar, qualificar e quantificar as demandas futuras do sistema de saneamento básico do município, abrangendo áreas urbanas e rurais.

Ele apresenta os modelos de gestão dos serviços de saneamento básico e de fiscalização e regulação dos serviços locais de saneamento básico, o planejamento e a atuação da agência reguladora, a análise da viabilidade técnica e econômico-financeira da prestação dos serviços, os prognósticos dos sistemas de abastecimento de água, esgotamento sanitário, sistema de limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos, dentro outros.

“O novo Plano Municipal de Saneamento, fruto da revisão do PMAE e da elaboração do PMGIRS, é uma prioridade para a gestão e, certamente, impactará de forma muito positiva a vida dos moradores de Cachoeiro. Por isso, a participação popular nesta ação é essencial”, afirma a secretária municipal de Meio Ambiente, Luana Fonseca.

Plano Municipal de Saneamento

Iniciado em novembro de 2019, após assinatura do contrato do Lagesa – Ufes com a Prefeitura de Cachoeiro, o trabalho do Plano Municipal de Saneamento conta com ações que envolvem a revisão do Plano Municipal de Água e Esgoto (PMAE), criado em 2011, e a elaboração do Plano Municipal de Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos (PMGIRS), com medidas inéditas para a área no município.

A primeira audiência pública sobre o tema foi realizada em fevereiro de 2020. Na ocasião, os representantes do Lagesa apresentaram a metodologia e o plano de trabalho a ser desenvolvido. Em julho do mesmo ano, foi disponibilizado um questionário, na internet, para que os cachoeirenses fornecessem informações, por meio do formulário on-line, sobre funcionamento de abastecimento de água; tratamento de esgoto e coleta de lixo e resíduos nos locais em que moram.

Depois disso, foi feita uma reunião on-line de mobilização social, em agosto, em que foram abordados temas como coleta seletiva e de lixo; limpeza de ruas e praças; terrenos baldios; acesso à água tratada nas zonas rurais; qualidade da água e outros assuntos referentes ao saneamento do município.