Projeto leva estudantes a pontos turísticos de Cachoeiro

A Casa de Cultura Roberto Carlos, onde morou o cantor, é um dos locais visitados

O projeto Descobrindo Cachoeiro está fazendo sucesso entre os estudantes das escolas municipais. Em um mês de funcionamento, 159 alunos, de cinco unidades de ensino, já foram levados de ônibus aos pontos turísticos da cidade, para conhecê-los melhor. E a intenção é fazer esse número saltar para 1 mil pessoas até o fim de 2015.

O projeto começou no dia 22 de abril, quando foi feita a primeira viagem com alunos da escola municipal Valdy Freitas (Paraíso). É uma iniciativa da prefeitura de Cachoeiro, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, do Ministério Público do trabalho e empresas.

Entre os locais visitados estão o trecho do rio Itapemirim onde foram jogadas as cinzas do cronista Rubem Braga, a Casa de Cultura Roberto Carlos, em que morou o artista, o Museu de Ciência e Tecnologia, o Centro Operário, a Casa do Estudante, a Casa dos Braga, a Casa da Memória, o Palácio Bernardino Monteiro, a Ilha da Luz e o Museu Ferroviário.

“Com essa ação, cada vez mais moradores vão conhecer melhor a cultura e a história do município, a partir de visitas a locais que têm grande potencial turístico. Assim, estarão mais bem preparadas para recepcionar os turistas”, destaca o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Coelho.

As visitas, que contam com a participação de um guia, são realizadas às quintas-feiras, das 8h às 11h. São atendidos, preferencialmente, as escolas da rede pública e grupos da terceira idade. Os interessados podem fazer agendamentos de segunda a sexta, pelo telefone 3155-5110, da Subsecretaria de Turismo, sediada na Casa da Memória (Rua 25 de Março, 106, Centro).