Pós-enchente

Recursos garantidos para obras em quatro pontes do interior de Cachoeiro

Município também busca recursos federais para outras quatro pontes no meio rural, bastante afetado pela última enchente
Foto: Divulgação/PMCI

Atendendo à solicitação da Prefeitura de Cachoeiro, o Governo do Espírito Santo financiará obras em quatro pontes do interior do município danificadas pelas chuvas e pela enchente de 25 de janeiro. Serão contempladas duas pontes na localidade de Cachoeira Alta; a ponte sobre o rio Fruteiras, em São Vicente; e a ponte de Usina São Miguel. As intervenções deverão ser iniciadas nas próximas semanas.

O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira (4), em reunião realizada no auditório da Faculdade de Direito de Cachoeiro de Itapemirim (FDCI), entre o Departamento de Edificações e de Rodovias do Espírito Santo (DER-ES) e representantes dos municípios sul capixabas atingidos pelas chuvas dos últimos meses.

Além disso, o DER-ES contribuirá com o fornecimento de dados para que os municípios possam solicitar recursos federais para outras obras. Intervenções em quatro pontes de Cachoeiro foram listadas nessa categoria, sendo duas pontes na localidade de Cantagalo, uma ligando o distrito de São Vicente à comunidade de Prosperidade e mais uma no distrito de Pacotuba.

No total, o DER-ES anunciou a contratação de 73 obras emergenciais nos 22 municípios afetados. Também serão compradas vigas de sustentação para serem utilizadas em pontes rurais de menor porte.

Durante a reunião, Luiz Cesar Maretto Coura, diretor-geral do DER-ES, – que visitou, de manhã, com o prefeito Victor Coelho, os locais do interior de Cachoeiro que receberão as obras -, explicou que o órgão contratou, de modo emergencial, duas empresas de projetos de engenharia para auxiliar no trabalho de coleta de informações e padronização de dados das cidades afetadas.

“Nem todas as obras nós conseguiremos incluir no orçamento estadual, por conta de uma série de critérios. Mas, tenham certeza de que todos os 22 municípios atingidos serão, igualmente, atendidos e nós daremos todo o apoio necessário”, afirmou o diretor-geral do DER-ES.

Recursos federais e prevenção

A Prefeitura de Cachoeiro também está elaborando o plano de trabalho para obter recursos federais para a reconstrução do município. Nesta semana, houve encontros, em Cachoeiro, com técnicos da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, que assessoram os municípios afetados na construção dos relatórios.

Para aprimorar as ações de prevenção a desastres naturais, a prefeitura também implantará um novo sistema de monitoramento e alerta para cheias e inundações no município. A compra de equipamentos, a serem instalados em pontos estratégicos da bacia do rio Itapemirim, está sendo definida com o governo estadual.

“Trabalhamos em várias frentes para que Cachoeiro não apenas se recupere dos danos causados pela enchente, mas que saia desta situação ainda mais forte para enfrentar os desafios futuros”, destaca o prefeito Victor Coelho.