Mão de obra própria

Secretaria Municipal de Obras realizou mais de 40 intervenções em maio

Ações incluem reparos em calçamento, tapa-buracos, patrolamento, reparos de drenagem e reformas
Foto: Divulgação/PMCI

Equipes da Secretaria Municipal de Obras (Semo) de Cachoeiro atuaram em mais de 40 obras durante o mês de maio. As intervenções incluem reparos em calçamento, tapa-buracos, patrolamentos, reparos e extensão de drenagem, além de reformas e pinturas em equipamentos públicos.

Pelo menos, sete locais do município receberam reparos em calçamento, abrangendo os bairros Monte Cristo, Guandu, Ruy Pinto Bandeira, Alto Amarelo e o distrito de Conduru. As atividades de tapa-buracos aconteceram em 15 vias públicas, incluindo Linha Vermelha (altura do bairro Zumbi), avenida Monte Castelo (Independência) e avenida Aristides Campos (Basileia). Além disso, mais quatro vias receberam patrolamento.

Na parte de drenagem, um das principais intervenções – em andamento – é a expansão da rede nas ruas Ziul Pinheiro e Amílcar Fligliuzi, no bairro Coronel Borges. O objetivo é ampliar a vazão de águas das chuvas na área que abrange um complexo de esporte e lazer em construção, a escola municipal Olga Dias e um posto de gasolina, geralmente, afetada por alagamentos em períodos chuvosos.

Também foram feitas intervenções de drenagem nas ruas Adolfo Agostinho (Elpídio Volpini), Renê Nogueira, Maria Dolores Santana (Zumbi), Manoel Pereira da Silva (Marbrasa), Ângelo Boss (Amaral) e na avenida Beira Rio (Guandu).

O prédio do Aprisco Rei Davi, no bairro Vila Rica, e a sede do Tiro de Guerra, no bairro Ibitiquara, passam por reforma e pintura. O Banco de Alimentos, no bairro Aeroporto, também está recebendo intervenções.

“Essas atividades abrangem apenas o que fizemos com mão de obra própria. Houve, também, outras obras realizadas por empresas contratadas. Mesmo durante a pandemia do novo coronavírus, estamos atuando firmes para garantir obras essenciais para o município”, afirma o secretário municipal de Obras, Paulo Miranda.