"Cachoeiro de Memórias"

Semcult exibe entrevista com Maria Laurinda Adão no Dia da Mulher

Mestra de caxambu é um dos nomes mais importantes da cultura popular de Cachoeiro
Foto: Luan Volpato

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Semcult) de Cachoeiro vai celebrar o Dia Internacional da Mulher, na próxima segunda-feira (8), com a exibição da entrevista de um grande nome da cultura popular cachoeirense, a dona Maria Laurinda Adão, concedida ao projeto Cachoeiro de Memórias. A conversa será publicada no canal da pasta no YouTube (Semcult Cachoeiro), às 16h.

Mestra de Caxambu, parteira, coveira, líder comunitária, ativista, mãe e avó, Maria Laurinda Adão é uma representante viva da força e da identidade da cultura negra no Brasil e no Espírito Santo. Nascida na Comunidade Quilombola de Monte Alegre, distrito de Pacotuba, em 1943, Laurinda é um exemplo da capacidade feminina de superação e força.  

No vídeo, o público poderá conhecer um pouco mais sobre a história da mestra, que há mais de cinco décadas está à frente de um dos mais tradicionais grupos de caxambu do Espírito Santo, o Caxambu Santa Cruz, que em 2008 recebeu o título de “Patrimônio Cultural do Brasil”, do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Sua história também foi eternizada no documentário “Todas as faces de Maria”, em 2011.

Bisneta de escravos, dona Maria Laurinda ainda mora em Monte Alegre, quilombo fundado pelo bisavô e outros negros que fugiram da fazenda Serra, onde eram escravizados.

“É uma alegria que, no dia em que as mulheres são celebradas, possamos homenagear uma que é tão importante para cultura de Cachoeiro e do Estado. Dona Maria Laurinda Adão certamente faz jus à campanha da Prefeitura deste ano: ‘Mulher, você pode!’, pois é uma mulher guerreira, que inspira a todos”, expressa a secretária municipal de Cultura e Turismo, Fernanda Martins.

A entrevista com dona Maria Laurinda Adão faz parte do projeto Cachoeiro de Memórias, que visa resgatar a história de Cachoeiro, com registros audiovisuais, em formato de entrevistas, com pessoas que tenham uma ligação estrita com a cidade. A princípio, o vídeo seria lançado na quinta (11), no entanto, para comemorar o Dia da Mulher, a Semcult adiantou a estreia.

Para as próximas semanas, sempre às quintas-feiras, está sendo programada a publicação de vídeos sobre os centros culturais da cidade, turismo, apresentações artísticas, atividades da Semcult e as mais de 50 entrevistas que fazem parte do acervo do Cachoeiro de Memórias.