Servidores celetistas têm até 14 de dezembro para aderirem ao PDV2

Requerimento deve ser entregue no setor de protocolo da Secretaria Municipal de Administração

A prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim prorrogou o prazo para os servidores celetistas aderirem ao Programa de Desligamento Voluntário 2 (PDV 2). Será possível fazer a requisição até o próximo dia 14 de dezembro, de acordo com a Lei nº 7612, publicada no Diário Oficial do município desta quarta (28).

Ao funcionário público municipal que aderir ao programa, será concedido incentivo financeiro para cada ano efetivamente trabalhado, de acordo com a faixa de vencimento base acrescido das vantagens permanentes de assiduidade, utilizando como referência o mês anterior ao do requerimento.

A indenização oferecida vai de R$ 1,5 mil a R$ 3,5 mil por ano trabalhado, variando de acordo com cinco faixas salariais diferentes. 

Inicialmente, o programa foi planejado para ter fim em outubro. Mas a prorrogação dará chance de outros servidores que queiram seu desligamento se beneficiarem com a iniciativa.

Segundo a Secretaria Municipal de Administração (Semad), até agora, 54 profissionais protocolaram pedido de adesão, sendo que 35 deles já tiveram resposta e foram beneficiados; outros 19 processos ainda estão em tramitação.

Como aderir

Para aderir ao PDV 2, é preciso preencher o requerimento padrão para servidores disponível na Agência Virtual do site da prefeitura, indicando no campo “Outro” o nome do programa. O documento deverá conter, também, a ciência da chefia imediata e do secretário municipal, para que sejam tomados os devidos procedimentos de alocação do cargo vago.

Após o preenchimento, o requerimento deve ser entregue até 14 de dezembro no setor de protocolo da Secretaria Municipal de Administração (Semad), localizada no prédio do Centro Administrativo Hélio Carlos Manhães (avenida Brahim Seder, Centro, 96/102). O setor funciona de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.