Setor de Ciência e Tecnologia de Cachoeiro apresenta ações na Ales

Membros do conselho municipal da área participaram de reunião na Assembleia Legislativa

Representantes do Conselho de Ciência e Tecnologia de Cachoeiro apresentaram ações desenvolvidas na área de sistemas de gerenciamento inteligente de rede de dados aplicados à gestão pública municipal e, também, as de difusão do conhecimento científico e sua aplicação, em reunião na Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales), nesta semana.

Estiveram presentes, o subsecretário da Ciência, Tecnologia e Inovação, Alexandre Gasparini; o diretor-presidente da companhia de tecnologia do município, a Dataci, Edmar Temporim; o diretor de Pesquisa, Extensão e Pós-Graduação do Ifes – Campus Cachoeiro, Paulo José de Oliveira; e o representante das Instituições de Ensino Superior à Distância com Polo sediado no Município, Leonídio Arruda, que também é diretor da Universidade Paulista – Unip Interativa.

Um dos pontos abordados no encontro da Comissão de Ciência e Tecnologia foi a realização de termo de cooperação com a Telecomunicações Brasileiras S/A (Telebrás) para ampliar a internet banda larga no município. As atividades promovidas pela prefeitura no segmento, em parceria com o campus local do Ifes, também foram apresentadas.

Edmar Temporim destacou a importância da parceria e o aumento da capacidade de prestação de serviços de internet. “Temos uma infraestrutura significativa que chamamos de capilaridade, que é composta por fibra óptica e sinais de rádio, e nós vamos integrar essa nossa estrutura a uma rede da Telebrás, integrando as duas fontes, assim teremos condições de fazer chegar sinais do Governo Federal a um custo muito menor, aumentando a eficiência desses sinais, o que pode motivar novos investimentos não só para Cachoeiro, mas também para toda a região”.

O subsecretário Alexandre Gasparini falou das ações desenvolvidas pelo poder público, que tem contado com o apoio da sociedade. “Além de estarmos preparados para o ponto alto que é a Semana Estadual de Ciência e Tecnologia – que no ano passado, alunos de Cachoeiro obtiveram o primeiro lugar na Feira de Ciências e Engenharia, na Categoria Ensino Fundamental – e de fortalecer ainda mais essa grande referência de difusão do conhecimento que é a Praça da Ciência, estamos trabalhando em parceria com o Ifes, para que neste ano seja realizado novamente o Show da Física, o Seminário de Educação Inclusiva e Acessibilidade, a Jornada Acadêmica de Ciência, Tecnologia e Cultura, as Semanas de Engenharia Mecânica e de Minas, visitas técnicas, entre outras atividades, em cooperação, também, com diversas instituições”.

Gasparini ainda destacou que em 2015, pela primeira vez, três projetos de Iniciação Científica Júnior envolvendo o município foram homologados pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes), totalizando um investimento de R$ 231.591,84. “Estamos atentos aos editais da Fapes e trabalhando em sinergia com pesquisadores, instituições de ensino superior e escolas públicas, para que, na próxima chamada, a quantidade de projetos submetidos seja bem superior e, consequentemente, tenhamos um maior número de projetos homologados”.

O presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia, deputado Sérgio Majeski, fez uma avaliação do encontro. “O avanço desse tipo de tecnologia é muito importante e contribui muito com o desenvolvimento da cidade. Esse tipo de trabalho é bem esclarecedor, pois, mostra para a população as ações que os municípios vêm realizando na área tecnológica”.