Usuários de serviços sociais participam de fórum sobre mercado de trabalho

Evento será realizado por meio do programa Acessas Trabalho

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes) de Cachoeiro de Itapemirim promoverá, na quinta-feira (13), por meio do programa Acessuas Trabalho, o Fórum Municipal sobre o Mundo do Trabalho.

Voltado aos usuários dos serviços sociais ofertados pelo município, especialmente, os participantes do Acessuas, o evento começará às 14h, no auditório da escola municipal “Zilma Coelho Pinto”, localizada no bairro Ferroviários.

O objetivo do fórum é discutir temas relacionados ao mercado de trabalho e os desafios a serem superados nele.

A advogada Viviane Lupin, especialista na área de Direito Trabalhista, será a palestrante do evento, que também contará com a participação da especialista em Recursos Humanos, Ana Cláudia Berni Pelegrini.

“Serão tratados assuntos que podem ajudar pessoas a ingressarem no mercado de trabalho e é justamente essa a finalidade do Acessuas. A Semdes tem dado todo apoio na execução do programa no nosso município, e o objetivo é ampliar cada vez mais as suas ações, possibilitando que mais usuários participem”, destaca a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra.

Entrega de certificados

Durante o fórum, também serão entregues os certificados de conclusão aos 200 participantes da oficina “Comportamento e Inserção no Mundo do Trabalho”, realizada por meio do Acessuas Trabalho no período de abril a junho deste ano.

Na capacitação, foram abordados temas como: a importância dos documentos, elaboração de currículos e de e-mails profissionais e como se comportar numa entrevista.

O programa Acessuas Trabalho tem o objetivo de contribuir para que jovens e adultos usuários de serviços sociais possam ingressar no mercado de trabalho. As turmas são formadas por homens e mulheres, na faixa etária de 14 a 59 anos, atendidos pelos Centros de Referências de Assistência Social (Cras), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Centro de Referência da Juventude (CRJ) e outros equipamentos da assistência social.