Combate à Covid-19

Primeira barreira sanitária no Centro aborda 350 pessoas

Ação com medição de temperatura foi realizada na Rua Capitão Deslandes, nesta terça (7)
Foto: Márcia Leal/PMCI

Nesta terça-feira (7), a Prefeitura de Cachoeiro iniciou ações de barreira sanitária e educativa de combate à Covid-19 no Centro da cidade. O primeiro ponto da região a receber o trabalho, que segue os moldes das barreiras realizadas em rodovias, foi a rua Capitão Deslandes.

Cerca de 350 condutores e pedestres foram abordados na ação, que foi realizada das 8h às 11h, com aferição de temperatura e distribuição de material informativo sobre prevenção ao novo coronavírus e importância do isolamento social.

Servidores municipais fizeram a abordagem aos condutores no semáforo do cruzamento com a rua Rui Barbosa. Taxistas do ponto de táxi daquela área também foram abordados.

Participaram da primeira ação, no Centro, agentes de trânsito, guardas civis municipais e servidores das secretarias municipais de Saúde (Semus) e de Desenvolvimento Econômico (Semdec). Não foram identificadas pessoas com sintomas de Covid-19.

“Deslocamos, para o Centro, uma das duas barreiras que temos realizado, desde maio, nas rodovias de acesso ao município. Nos próximos dias, vamos atuar na Capitão Deslandes e, também, na rua Professor Quintiliano de Azevedo, pontos muito movimentados da área central. É uma mudança estratégica”, explica Ruy Guedes, coordenador do Sistema de Comando em Operações (SCO) de combate à Covid-19 em Cachoeiro.

Enquanto perdurar a ação no Centro, a Prefeitura vai manter, simultaneamente, apenas a barreira sanitária da BR-482 (Cachoeiro X Safra), onde foram abordadas 25 mil das 39 mil pessoas já alcançadas, em rodovias, por meio dessa iniciativa.

As barreiras sanitárias em rodovias também contam com a participação de servidores da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semesp) e apoio da Polícia Militar. A ação é desenvolvida, ainda, na rodoviária de Cachoeiro, pela Semus.

Quem apresenta temperatura alta é orientado a procurar atendimento na unidade de saúde mais próxima ou no Pronto Atendimento do Centro de Saúde “Paulo Pereira Gomes”, que é referência para casos suspeitos de Covid-19 no município.