Km 9

Localidade do interior recebe obras de extensão da rede de água tratada

Serão construídos 5.152 metros de rede em Km 9; ampliação se estende a outras localidades
Foto: Divulgação/BRK Ambiental

A concessionária dos serviços de água e esgoto de Cachoeiro de Itapemirim deu início, nesta semana, às obras de extensão da rede de água tratada para a localidade de Km 9, no distrito de Conduru. Serão construídos 5.152 metros de rede na comunidade, com previsão de conclusão em 160 dias. As intervenções fazem parte da ampliação da rede para localidades do interior que sofrem com escassez hídrica, resultante de investimento da Prefeitura de Cachoeiro.

As obras foram iniciadas em um trecho de estrada de chão que liga a comunidade a uma rodovia. Além da construção da rede e suas interligações, também serão instaladas oito descargas, para manter a qualidade da água no interior da tubulação durante manutenção corretiva no sistema, e cinco ventosas, com o objetivo de expurgar e/ou administrar o ar no interior das tubulações, evitando danos.

Além de Km 9, está em andamento a construção de 8.839 metros de nova rede em Timbó I – temporariamente paralisada, dependendo da extração de pedras encontradas sob o solo para a conclusão – e uma extensão de 7.067 metros entre Retiro e Safra, que deverá ser concluída nas próximas três semanas. Também haverá obras em Monte Líbano, relacionadas a uma Estação de Tratamento de Água Comunitária (Etac) e Alto Gironda (735 metros de rede). A previsão é de que todas as intervenções sejam concluídas até o fim de 2020.

“Essas comunidades são abastecidas por meio de carros-pipa ou utilizam mananciais locais. Portanto, a ampliação da rede terá um impacto enorme na qualidade de vida e no desenvolvimento das localidades. Aos poucos, vamos vencendo os obstáculos e avançando com as obras”, destaca o prefeito Victor Coelho.

Ampliação

A ampliação da rede de água tratada foi possibilitada com a incorporação dessas áreas ao contrato de concessão dos serviços de água e esgoto, efetivada por meio de termo aditivo assinado pela Prefeitura de Cachoeiro.

Para a execução, a prefeitura optou pela modalidade de subvenção para investimentos, que desonera o valor orçado pelo prestador de serviços, devido à não incidência de tributos sobre os custos das obras – resultando na redução do orçamento da obra à metade. Os trabalhos são acompanhados pela Secretaria Municipal de Obras (Semo).