Acolhimento

Covid-19: Prefeitura realiza ação especial para abrigar pessoas em situação de rua

Foram 19 pessoas abordadas nesta segunda (25); abrigo para pessoas com sintomas de Covid-19 foi montado
Foto: Márcia Leal/PMCI

A Prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim realizou, nesta segunda-feira (25), uma ação especial de abordagem a pessoas em situação de rua. O objetivo foi sensibilizá-los a respeito dos cuidados a serem tomados durante a pandemia de Covid-19, oferecendo-lhes a possibilidade de ficar em abrigos do município.

A ação foi coordenada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Semdes), que recebeu recursos do governo federal, na semana passada, para ações de assistência social durante a pandemia. Também participaram servidores das secretarias municipais de Saúde (Semus), Segurança (Semseg) e Serviços Urbanos (Semsur).

No total, foram abordadas 19 pessoas. Apenas quatro não aceitaram a oferta de abrigo. A maior parte foi encaminhada para a Casa de Passagem Santa Tereza de Calcutá, da Cáritas Diocesana. Uma pessoa foi direcionada a um abrigo temporário montado pela Prefeitura para acolher aqueles que apresentam sintomas de Covid-19.

Antes disso, eles passaram pelo Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro POP), onde tiveram aferição de pressão arterial (PA) e de glicemia; vacinação; testes rápidos; consulta médica; atendimento psicológico e coleta de baciloscopia, além de ganharem kits de higiene bucal.

Carlos Vinícius é um dos que aceitaram a oferta de abrigo. Ele disse estar na rua há cerca de três meses, desde quando deixou o sistema prisional. “Não tenho emprego, a minha família não me quer. Pra mim, o abrigo vai ser muito bom”, afirmou.

“Os profissionais do Centro POP realizam, rotineiramente, abordagem às pessoas em situação de rua, e isso continuará. Neste momento de pandemia, é fundamental que esses cidadãos recebam atendimento e sejam acolhidos, pois isso contribui para a saúde tanto deles próprios, quanto da população em geral”, afirma a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Márcia Bezerra.

“O poder público precisa fazer todo o possível para proteger os cidadãos que se encontram em situação de maior vulnerabilidade social. Especialmente, neste momento de pandemia, não é seguro para ninguém permanecer nas ruas e por isso estamos oferecendo alternativas a essas pessoas”, destaca o prefeito Victor Coelho.