Em todo o ES

Dose zero da vacina contra Sarampo é suspensa em Cachoeiro

Cerca de 2.900 crianças já receberam a dose zero no município
Foto: Ilustrativa

A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informa que a dose zero da vacina tríplice viral, destinada às crianças de seis a onze meses, está suspensa, por recomendação do Ministério da Saúde, já que o Espírito Santo não apresentou casos de sarampo neste ano.

De acordo com o ofício circular publicado, a vacina está suspensa em todos os estados em que não foi verificada a circulação do Sarampo.

A vacinação para este público-alvo deverá acontecer em situações específicas, como viagens aos estados que ainda registram circulação ativa de Sarampo – incluindo Amapá, Pará, Rio de Janeiro e São Paulo -; em casos de bloqueio vacinal e se houver volta do registro de casos da doença no Espírito Santo.

Porém, a primeira dose da vacina tríplice viral, para crianças de um ano, e a tetra viral, aos 15 meses, seguirão sendo aplicadas e disponibilizadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município que possuem sala de vacina.

Para garantir a imunização, basta ir até o local e levar o cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e o cartão de vacinação.

“É importante que os pais garantam a imunização dos seus filhos, para que não haja circulação de sarampo. Além disso, no município, 2.900 crianças receberam a dose zero desde agosto de 2019, contribuindo para o não desenvolvimento da doença em Cachoeiro”, afirma a secretária municipal de Saúde em exercício, Alexandra da Penha Araújo Cruz.