Escola de Gestores

Gestores das escolas municipais iniciam ciclo de formação

Profissionais participarão de atividades mensais, para aperfeiçoamento de práticas de gestão
Foto: Divulgação/PMCI

A Secretaria Municipal de Educação (Seme) de Cachoeiro deu início a mais um ciclo de encontros da Escola de Gestores, projeto de formação continuada para gestores das escolas municipais.

São atividades mensais, para proporcionar aos profissionais orientações, momentos para reflexões e trocas de experiências relacionadas às práticas de gestão escolar e liderança.

A primeira atividade foi realizada no dia 6 de fevereiro e a segunda será nesta semana, de terça (3) a sexta-feira (6).

Ao longo do projeto, serão aprofundados temas como: o papel do gestor como liderança na constituição do clima e da cultura organizacional do espaço escolar, como um dos mais importantes atores na luta pela melhoria da qualidade educacional; o olhar inclusivo no ambiente escolar; significado e aplicação da gestão democrática; o relacionamento interpessoal; o conselho tutelar e suas atribuições; a atuação do grêmio estudantil na escola; as atribuições do coordenador de turno e a escola como espaço de convivência.

Os participantes também se debruçarão sobre assuntos como as normativas da alimentação escolar; Programa Dinheiro Direto da Escola (PDDE) e Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE), – que tratam do uso dos recursos para melhorias da infraestrutura física e pedagógica das unidades de ensino –; reforço da autogestão escolar e elevação dos índices de desempenho da educação básica.

Além disso, haverá treinamento sobre o sistema de prestação de contas, que será conduzido pela Companhia de Tecnologia da Informação de Cachoeiro de Itapemirim (Dataci).

“É fundamental que os gestores escolares atualizem, continuamente, seus conhecimentos sobre aspectos pedagógicos, administrativos e financeiros, para que conduzam as suas unidades de forma eficiente e responsável, garantindo a oferta de ensino de qualidade e produzindo bons resultados para a comunidade escolar”, explica a secretária municipal de Educação, Cristina Lens.