Prefeitura de Cachoeiro é semifinalista no Prêmio Inoves

Projeto classificado tem foco no apoio ao empreendedor

É da prefeitura de Cachoeiro de Itapemirim um dos 142 projetos semifinalistas do Ciclo 2015 do Prêmio Inoves, do governo do Espírito Santo. A lista dos trabalhos selecionados entre propostas de equipes do serviço público estadual e municipal foi divulgada nesta segunda-feira (16).

“Pequenos Negócios, Investimento de Sucesso” é o título do projeto cachoeirense classificado. Fruto de parceria entre as secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico e da Fazenda, é um conjunto de práticas e ferramentas que facilitam e estimulam o empreendedorismo.

“Esse é o trabalho que já ganhou reconhecimento estadual, com o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, e nacional, com Prêmio ODM Brasil. A aprovação para a próxima fase do Inoves, que atesta a qualidade das ações na gestão pública, é mais uma importante chancela”, comemora o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Coelho.

Os projetos passaram pela avaliação de uma banca examinadora, composta por especialistas de diferentes áreas, que levou em conta os seguintes critérios: relevância social do tema e do objetivo; caráter inovador; efetividade dos resultados; possibilidade de multiplicação; desenvolvimento de parcerias com outras entidades do setor público, social ou privado; e relação custo-benefício.

Outro aspecto analisado pela banca foi o eixo transversal Sustentabilidade, lançado junto à campanha deste ano: A Fonte da Inovação Transforma Tudo. “A relação do tema com o projeto desenvolvido garantiu às equipes pontos extras na avaliação, o que possibilitou assim maior chance de classificação para a semifinal”, ressalta o coordenador do Prêmio Inoves, Manoel Carlos Rocha Lima.

Para o coordenador, os projetos semifinalistas demonstram que os servidores estão em busca do aprimoramento de suas práticas. “Os trabalhos semifinalistas são aqueles que alcançam pontuação acima da média da edição e caracterizam iniciativas com significativo potencial inovador. Neste ciclo, as equipes atenderam ao chamado do Inoves, demonstrando atenção à questão da sustentabilidade em suas práticas de gestão”, destaca Manoel Carlos.

A última fase do processo consiste na indicação dos projetos classificados para reconhecimento e premiação. Serão três projetos finalistas e um vencedor por categoria, que serão conhecidos na cerimônia de premiação, agendada para o dia 03 de dezembro. Os vencedores receberão prêmio de R$16 mil em equipamentos de informática, além de troféu e terem a sua boa prática divulgada na Revista Inoves.