Covid-19

Quarentena: Fiscalização já realizou 364 vistorias em estabelecimentos

Somente serviços essenciais podem atender presencialmente até dia 31 de março
Foto: Márcia Leal/PMCI

Desde quinta-feira (18), data do início da quarentena decretada pelo governo estadual para frear a transmissão do novo coronavírus no Espírito Santo, as equipes de Fiscalização da Prefeitura de Cachoeiro já percorreram 45 bairros e distritos e realizaram 364 vistorias em estabelecimentos comerciais.

Também foram apuradas 17 denúncias de desrespeito às restrições, 16 delas encaminhadas pelo Disk Aglomeração. As abordagens resultaram em 35 notificações expedidas.

Atualmente, com exceção de 24 serviços considerados essenciais, os estabelecimentos comerciais do Espírito Santo podem funcionar apenas com entrega por delivery, estando proibida a realização de atendimentos presenciais ou por drive thru até 31 de março.

Para fiscalizar os estabelecimentos, as equipes da Prefeitura contam com o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM), Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

Além da fiscalização, no fim de semana, dois carros de som com informações sobre as medidas restritivas percorreram o interior do município, em locais como Conduru, Coutinho, Pacotuba, Itaoca, Gruta, Timbó, Soturno e Gironda

“Nós procuramos conscientizar as pessoas a respeito da necessidade das medidas e buscar uma relação de diálogo com o setor produtivo neste período tão desafiador. Entendemos a frustração da população, mas a necessidade da quarentena se impõe, sob o risco de a rede de saúde colapsar totalmente, perdermos ainda mais vidas e, no fim das contas, a economia também não se recuperar”, comenta o vice-prefeito de Cachoeiro, Ruy Guedes, que coordena o Serviço de Comando Operacional (SCO) para combate à Covid-19 no município.

Para denúncia de desrespeito às medidas restritivas, a população pode acionar o Disk Aglomeração, pelo telefone 153, pelo site www.cachoeiro.es.gov.br/ouvidoriageral ou pelo aplicativo de celular “Todos Juntos”. A central funciona 24 horas.