UBS

Saúde orienta sobre agendamento de consultas em unidades básicas

Não é necessário pegar senha, chegar mais cedo ou se aglomerar em filas para fazer a marcação
Foto: Márcia Leal/PMCI

Para agendar consulta em Unidade Básica de Saúde (UBS) de Cachoeiro, não é necessário pegar senha. Basta se dirigir até uma das UBS do município – de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h – e fazer a solicitação, não havendo necessidade de chegar mais cedo ou de se aglomerar em filas. A marcação é feita de acordo com a disponibilidade na agenda e, em caso de dificuldade, a enfermeira responsável pela unidade pode ser acionada.

O fim da utilização de senhas para marcar procedimentos faz parte de um processo de reestruturação do acesso à Atenção Básica de Saúde, já em curso em Cachoeiro, realizada junto à Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

As UBS, ressalta a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), realizam atendimentos eletivos e de pacientes de baixa gravidade, como casos de febre baixa, coleta de exames ou curativos para feridas. Em casos de urgência e emergência, devem ser procurados os pronto atendimentos 24 horas, como o PA de Itaoca, o Centro de Saúde Paulo Pereira Gomes (PPG), a Unidade de Pronto Atendimento do Marbrasa (UPA 24h) ou o Pronto Atendimento Infantil (PAI).

A rede municipal de saúde conta com 32 UBS, onde trabalham 53 equipes de Estratégia Saúde da Família (ESF), compostas por médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem. São atendidos pacientes de todas as idades.

Com a pandemia, a rede municipal passou a acolher muitos casos de pacientes com sintomas de síndromes respiratórias, além de realizar a vacinação contra a Covid-19 – fatores que impactam no acesso aos demais procedimentos de saúde. Além disso, também há casos de pacientes que faltam às consultas sem apresentar justificativa, ocasionando prejuízos para a organização da agenda. De acordo com a Semus, o índice de desistência das consultas marcadas chega a 20%.

Na segunda quinzena de janeiro, a Semus deverá lançar um novo agendamento on-line, para facilitar, ainda mais, o acesso a alguns dos procedimentos oferecidos nas UBS, o que incluirá: exame preventivo para mulheres; pré-natal; puericultura; programa de tabagismo; curativo e retirada de pontos; testes rápidos de Covid-19; HIV e Hepatite B.

“Como acontece em qualquer unidade de saúde, mesmo na rede privada, é preciso que o paciente aguarde um prazo de atendimento. Além disso, a pandemia alterou a rotina das unidades e dos profissionais de saúde, que têm se dedicado a atender a população com toda a atenção que ela merece”, afirma o secretário municipal de Saúde, Alex Wingler.

Os contatos de todas as Unidades de Saúde, com endereço e telefones, podem ser conferidos em www.cachoeiro.es.gov.br/saude-semus/unidades-basicas-de-saude/. Dúvidas com relação ao atendimento podem ser enviadas para a Ouvidoria Geral do SUS, pelos telefones 0800 081 1696 e (28) 3521-1696. Outra opção é registrar a manifestação na página da Ouvidoria Geral do SUS no site da Prefeitura de Cachoeiro.