Investimentos

Secretaria de Saúde faz balanço dos avanços em 2019

Entrega do novo PPG ampliou oferta dos serviços de urgência e emergência
Foto: Divulgação/PMCI

Ampliação dos serviços de urgência e emergência, melhorias na estrutura da rede básica e reforço no atendimento com médicos especialistas foram alguns dos avanços da saúde pública de Cachoeiro, em 2019.

Em novembro, a reabertura do Centro de Saúde Paulo Pereira Gomes (PPG), que passou por obras de reforma e ampliação, garantiu aos cachoeirenses mais um Pronto Atendimento 24 horas. Na estrutura, que fica no bairro Baiminas, são atendidas, diariamente, mais de 200 pessoas.

Fruto de um investimento de cerca de R$ 1,7 milhão, o novo PPG possibilitou a descentralização da oferta da assistência médica de urgência e emergência no município, o que resultou no desafogamento da UPA localizada no bairro Marbrasa.

“Com dois prontos atendimentos, situados em diferentes regiões da cidade, houve uma redistribuição do fluxo de pacientes. Isso contribui para que os serviços dessas unidades sejam mais resolutivos e humanizados”, salienta a secretária municipal de Saúde, Luciara Botelho.

Ela ainda destaca que o PPG oportunizou a implantação do plantão odontológico para atender às demandas urgentes relacionadas à saúde bucal, que envolvam dor intensa, luxação, hemorragias, traumatismos e fraturas. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 19h às 7h; e aos sábados e domingos, das 7h às 16h e das 19h às 7h. Mais de 300 pessoas já foram atendidas no local.

Ainda na área de urgência e emergência, Cachoeiro ampliou a capacidade do Pronto Atendimento Infantil (PAI), unificando os serviços na estrutura do hospital do Aquidaban, e o Pronto Atendimento do distrito de Itaoca recebeu obras de manutenção.

Unidades básicas

As unidades básicas de saúde receberam atenção especial, com realização de serviços de manutenção corretiva e preventiva e reaparelhamento. Foram contempladas com pintura e diversos reparos as dos bairros São Luiz Gonzaga, BNH de Cima e Boa Vista. Nas localidades de Monte Verde e Independência, distrito de São Vicente, além de melhorias nas instalações físicas, os pontos de apoio ganharam equipamentos e mobiliário novos. Os serviços seguem sendo feitos em outros postos, como os das localidades de Gruta e Santa Fé, o do distrito de Itaoca, do bairro Alto União, além do Centro de Atenção Psicossocial – álcool e drogas (Caps-ad) e da UPA do Marbrasa.

Em dezembro, foi autorizado o início da construção da nova unidade básica do bairro Zumbi, que será a maior do sul capixaba. Serão investidos R$ 3,2 milhões.

Os distritos de São Vicente, Conduru e Burarama receberam novas ambulâncias. Elas estão à disposição das comunidades, nas unidades básicas dos distritos, para remoções de urgência e emergência e transporte de pacientes acamados.

“As unidades básicas são a porta de entrada do Sistema Único de Saúde (SUS) e nós estamos investindo continuamente para que esses espaços ofereçam melhores condições de atendimento à população”, frisa Botelho.

Mais obras na saúde

Outro importante equipamento público de saúde que recebe investimentos é a Policlínica “Bolívar de Abreu”. O prédio histórico, que reúne o laboratório e uma série de serviços da rede municipal, passa por uma reforma geral.

Mais consultas com especialistas

Responsável pelos serviços de atenção básica à saúde, a Prefeitura de Cachoeiro também está investindo na oferta de atendimentos com médicos especialistas, contratados via Consórcio Público da Região Polo Sul (CIM Polo Sul).

O objetivo é agilizar o acesso de pacientes a atendimentos nas especialidades que apresentam maior demanda reprimida no município, que são sete: cardiologia, ortopedia, urologia, psiquiatria, pediatria, ultrassonografia e pequenas cirurgias.

Os serviços começaram a ser oferecidos em maio de 2019 e, até dezembro, mais de 13 mil atendimentos foram realizados.

Os médicos especialistas atendem, no Centro Municipal de Saúde “Bolívar de Abreu”, os pacientes que são encaminhados pelos médicos generalistas das unidades básicas de saúde.

Novo Código Sanitário

Em outubro, Cachoeiro passou a contar com um novo Código Sanitário, que trouxe importantes inovações e atualizações para a área e tornou mais claras as regras para os prestadores de serviço e servidores encarregados da fiscalização, além de ampliar a proteção da população.

Agentes de saúde e combate a endemias

Para reforçar as ações de promoção e prevenção em saúde, a Secretaria Municipal de Saúde abriu processo seletivo para agentes comunitários de saúde e de combate a endemias.

Os aprovados começarão a trabalhar neste ano, quando também passa a viger o novo plano de cargos e salários destas categorias, sancionado em 2019. Outra melhoria garantida pelo município a esses servidores, no ano passado, foi a concessão inédita de auxílio-alimentação. Além disso, os agentes de saúde receberam novos materiais de trabalho, com uma novidade: camisa antirradiação solar.

“Dois mil e dezenove foi um ano de entregas e resultados importantes na área da saúde. Estamos muito empenhados em ampliar e qualificar a oferta dos serviços, em estruturar melhor a nossa rede de atendimento, para prover aos cachoeirenses uma saúde pública cada vez mais eficiente”, afirma o prefeito Victor Coelho.